FIES – Descubra o que é e também como funciona!

Você certamente já ouviu falar do FIES, certo? Mas, será que você realmente sabe do que ele se trata? É importante destacar que o FIES consiste em um programa que faz parte do Ministério da Educação e que foi criado pelo Governo Federal no ano de 1999.

Seu objetivo é justamente oferecer um financiamento estudantil para estudantes que comprovem baixa renda. Além disso, o financiamento é concedido para cursos de caráter presencial e também em instituições de ensino superior particular, desde que elas possuam uma avaliação considerada positiva em processos orientados e conduzidos pelo MEC.

Confira as próximas linhas de nosso artigo para saber diversas informações a respeito do FIES. Aqui, você saberá sobre inscrições, como funciona o programa, isenção, entre outros detalhes. Veja!

Quem pode participar do FIES?

De uma maneira geral, podem participar do FIES todos os estudantes que consigam comprovar que sobrevivem com renda familiar máxima de até 3 salários mínimos, isso levando em consideração cada membro da família!

Além disso, é fundamental que o aluno esteja devidamente matriculado em um curso superior e esse curso deverá também ter uma boa avaliação por parte do MEC. Para tanto, vale salientar que a instituição de ensino em questão também precisa possui um cadastro junto ao programa.

FIES

E para finalizar, é importante levar em conta que o candidato, como critério, não poderá ainda já ter sido beneficiado anteriormente pelo seguro do FIES ou até mesmo ser inadimplente no programa!

Se você quiser saber quais são as instituições que efetivamente participam do programa, basta acessar o site oficial do FIES  http://sisfiesportal.mec.gov.br/?pagina=pesquisa.

Como funciona o FIES?

Para que você possa realmente participar do FIES é importante considerar alguns aspectos básicos e de suma importância. Para tanto, o estudante deverá primeiramente fazer a sua inscrição no programa e para isso, basta apenas acessar o site oficial.

Se o candidato estiver em conformidade com todos os critérios estabelecidos pelo programa e for aprovado, ele deverá, em pouco tempo, fazer a assinatura do contrato de financiamento junto de uma instituição financeira.

Vale destacar que o financiamento ofertado pelo FIES é realmente algo que atrai muitas pessoas, uma vez que permite o acesso a taxas de juros bem mais atraentes se comparadas a outros financiamentos existentes no mercado. Ainda em 2018 foram incluídas 3 modalidades distintas para o programa, sendo que uma delas até mesmo não envolve juros.

No decorrer de todo o curso do candidato, o FIES será o responsável em assumir os pagamentos das mensalidades, ou dependendo, do percentual que foi contratado. É justamente o programa que deverá arcar diretamente com os pagamentos para a faculdade particular.

Por outro lado, o aluno deverá realizar o pagamento de um encargo operacional. Esse encargo é previamente fixado ainda durante a assinatura do contrato. É de responsabilidade do aluno também quitar o seguro de vida que é obrigatório durante a contratação do financiamento. Depois que o aluno finalmente se forma ele deverá começar de forma imediata a assumir a dívida, ou seja, arcar com o saldo devedor.

Se nesse momento o estudante tiver um emprego ou até mesmo abrir uma empresa logo depois de se formar, essas parcelas poderão ser automaticamente descontadas dessa atual fonte de renda. Para tanto, deverá ser levado em conta o cálculo que for previsto por meio do governo.

O governo tem como estimativa que o prazo de quitação considerado máximo para essa dívida é de cerca de 14 anos em média!

Inscrição FIES

O passo a passo para poder fazer sua inscrição no FIES é bastante fácil. Se você almeja conseguir seu financiamento estudantil, confira abaixo um breve e resumido passo a passo:

FIES 2

  • Primeiro, acesse o site dos SisFIES e indique todos os dados conforme solicitado. Com isso você irá receber um e-mail de confirmação para validar o cadastro.
  • Depois da validação, o candidato deverá acessar novamente a plataforma e seguir adiante com a inscrição.
  • Agora é preciso escolher um dos Os candidatos possuem um prazo de 10 dias para poder comparecer pessoalmente ao CPSA da universidade  com todos os documentos necessários em mãos.
  • Depois do terceiro dia útil da validação da inscrição, o candidato deverá ir até o banco para poder consumar a contratação do financiamento.

E pronto! Depois de seguir esses passos e demais orientações, será possível começar a contar com o enorme potencial do FIES!


Esperamos que as informações acima tenha sido úteis, mas caso você ainda apresente alguma dúvida a respeito do conteúdo, por favor, deixe sua mensagem para que possamos responder o mais rápido possível. Boa sorte!

 

 

Scroll to top